04 de Abril de 2013

Heuler critica o escoamento da produção de grãos

Para deputado, safra recorde pode ser prejudicada pela péssima logística nacional

O deputado e vice-líder do PSD Heuler Cruvinel (GO), criticou, durante pronunciamento nessa terça-feira (2), o atual formato de escoamento da produção nacional de grãos. “Os portos e as estradas estão abarrotados com milhões de toneladas de uma safra recorde a ser escoada, cujos prazos logísticos e contratuais começam a caducar. Isto sem falar no prejuízo irreversível dos agricultores, dos estados produtores, dos exportadores e importadores. E, enfim, em detrimento de nossa economia face à cambaleante balança comercial”.

Cruvinel ressaltou que os produtores de soja do Mato Grosso estão pedindo socorro por causa da perda de soja causada pela escassez de frete. Segundo ele, os caminhoneiros têm recusado enfrentar estradas devido às precárias condições de tráfego. “Esses profissionais, que levariam seis dias para percorrer a rota de escoamento até Santos (SP), agora fazem esse trajeto em quase dez dias”. Cruvinel destacou ainda que os portos estão operando acima da capacidade.

Para o deputado, falta planejamento estratégico para solucionar o problema. “O Brasil escoa sua produção, há décadas, por um canal considerado caríssimo, que é o rodoviário. Não temos um planejamento integrado de médio e longo prazo, que seja minimamente eficaz no setor de transporte de cargas”, concluiu.

Hélio Oliveira

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora