29 de Agosto de 2012

Câmara de Rio Verde de luto

Morreu em Goiânia Newton Pereira de Castro, ex-presidente da Casa

Faleceu na madrugada desta terça- feira, 28 de agosto, o ex-presidente da Câmara de Rio Verde, Newton Pereira de Castro.    

O falecimento Newton Pereira foi lamentado pelo atual presidente do Legislativo rio-verdense, vereador Elias Terra, que enviou condolências à família do grande líder político dos anos sessenta.    

Newton Pereira de Castro foi presidente da Câmara de Rio Verde de 1º de janeiro de 1963 até 1º de janeiro de 1965.    

Biografia:
Newton Pereira de Castro nasceu dia 19 de maio de 1922, em Santa Rita do Araguaia, atual Alto Araguaia, Mato Grosso, fronteira com Goiás. É o segundo dos filhos da grande prole de Olhyntho Pereira de Castro e Carminda de Castro. É irmão de Walter Pereira de Castro e cunhado de Luiz Braz da Silva. Sua primeira candidatura a vereador ocorreu em 1947, pelo PSD, e não se elegeu, mas assumiu a cadeira por convocação por força de vacância. Candidatou-se outra vez em 1958 e em 1962, quando se elegeu.    

Em 1954 resolveu ele submeter-se ao vestibular de direito, em Goiânia, valendo-me do ginásio de 5 anos completos em 1939, no Colégio do Professor Alfredo Pucca, em São Paulo.    

Bacharelou-se em 1961. Com os seus irmãos Wellington, Olyntho, Zuleika e o seu genitor, construíram o prédio para a empresa de projeção cinematográfica que então fundaram, com o nome de fantasia “Cine Bagdá”, empreendimento de destaque daqueles dias. O mandato de vereador, nos anos 60, cobriu parte da gestão Paulo Campos, iniciada dia 31 de janeiro de 1961.

Foi presidente da Câmara Municipal em 1966, eleito pelo PTB, e fazia junto com o prefeito Dr Paulo Campos, o maior esforço para o asfaltamento da rodovia Rio Verde a Itumbiara, no projeto designado Rodovia da Produção. Por força da revolução, mudou-se, dia 23 de junho de 1964 para Goiânia e não mais voltou a residir em Rio Verde.

Ascom – Câmara Municipal

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora