15 de Julho de 2016

Gepatri prende vários suspeitos de roubos

Sete homens e duas mulheres estão entre os investigados

Na manhã desta quinta-feira (14) a Polícia Civil do Estado de Goiás realizou uma operação visando combater os crimes de roubos em Rio Verde. Policiais Civis coordenados pelo Delegado Adelson Candeo Junior, prenderam 9 pessoas, entre elas duas mulheres.

Sete homens e uma mulher são investigados como suspeitos de terem participado de vários roubos ocorridos em Rio Verde nos últimos meses. A outra mulher foi presa porque em uma das casas onde foram cumpridos os mandados de prisão expedidos pela justiça, foram apreendidas porções de entorpecentes. Ela foi autuada por tráfico de drogas.

As investigações que resultaram nas prisões foram realizadas pelo Grupo de Repressão a Crimes Patrimoniais. Segundo a delegada Regional Taisa Antonello, alguns presos tem várias outras passagens pela polícia e agiam com violência durante os roubos.

Eles chegaram a assaltar mais de uma vez um mesmo comércio em uma única semana.

Os presos são: Alessandra Silvestre de Almeida, conhecida pelo apelido de lili, 21 anos. Manoel do Nascimento Rocha Filho, 24 anos, Wasley da Silva Crisostomo, 19 anos, Jonathan Alves Golveia, 24 anos, Danilo Vilela Machado, 22 anos, Leandro Ferreira de Castro, 24 anos, Mateus Junior da Silva, 21 anos e Cledson Pereira da Conceição de 19 anos.

Além deles, a jovem Ana Luiza Gomes Ferreira de 20 anos, namorada de Manoel, foi presa em flagrante por Tráfico de Drogas. Na casa onde ela se encontrava juntamente com o namorado, foram apreendidas porções de drogas.

Filmagens feitas através de câmeras de segurança de estabelecimentos comerciais foram usadas nas investigações. Nas imagens de dois roubos ocorridos em um mesmo supermercado localizado no Setor Morada do Sol aparecem os presos Wasley e Manoel.

Eles também aparecem em imagens gravadas por câmeras de segurança de um posto de combustíveis durante outro assalto.

Cleudson também é investigado como suspeito de vários roubos, mas a polícia civil já tem provas que comprovem a participação dele em pelo menos um dos crimes. Ele participou do roubo em uma residência e as roupas usadas no dia do crime foram apreendidas na casa dele.

Mateus confessou ter participado de um assalto no estabelecimento comercial “Espetinho Primavera”.

Leandro e Jonathan participaram de um roubo em um sitio onde um deles havia trabalhado anteriormente. Um dos assaltantes foi reconhecido no momento em que praticava o crime.

Danilo teria participado de um assalto em uma loja de tintas no Residencial Canaã.

Alessandra tem várias passagens por furto e desta vês foi presa por dois roubos em residência.

As vitimas que nos dois casos são pessoas idosas relataram que a assaltante as ameaçou com uma faca para obriga-las a entregar dinheiro. Os idosos ainda sofreram agressões físicas durante o crime.

Assessoria de Imprensa 8ª DRP

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora