26 de Maio de 2015

Dicas para quem quer ou vai mudar de cidade pelo trabalho

Mudança bem sucedida exige um bom planejamento

Para a maioria das pessoas, é muito difícil deixar a comodidade do lugar onde mora, a família e os amigos. Mas as vezes, a proposta de um novo emprego em outra cidade ou mesmo a busca pela qualidade de vida fala mais alto.

Correr atrás de um sonho ou de uma nova oportunidade de trabalho envolve muitos fatores, entre eles, deve-se analisar os pontos positivos e negativos  da mudança, lugar para morar e principalmente, analisar bem o perfil da empresa a qual se pretende ingressar.  Para facilitar seu planejamento, montamos uma lista com as coisas a serem consideradas antes de qualquer mudança.

1. Planeje-se bem
Planejar nunca é demais. Mudar de cidade implica um novo estilo de vida, com novos hábitos em um lugar muitas vezes totalmente diferente do qual você está acostumado. Vale pesquisar bem sobre a cidade para qual se pretende mudar, entender a dinâmica dos habitantes e a partir daí delinear como a mudança vai afetar sua rotina. Andar de ônibus pelas proximidades por alguns dias pode te ajudar a conhecer mais a região.

2. Custo benefício

Morar sozinho sai caro, principalmente se você não é uma pessoa que tem o habito de cozinhar. Caso haja a possibilidade de dividir o apartamento com alguém conhecido, pense a respeito. Caso contrário, tente arrumar um lugar que tenha cozinha, pois comer em lanchonetes ou restaurantes 3 vezes ao dia, todos os dias, pode pesar no bolso.

3. Faça as contas
Será que o que você vai ganhar na outra cidade é o suficiente para se sustentar? Negociar o salário oferecido pela empresa é uma opção, caso o orçamento fique apertado. Não adianta ter um ótimo salário se o custo de vida na nova cidade é oneroso. Anote tudo, faça contas e coloque tudo no papel para ter um controle mais rígido dos seus gastos.

Ainda há a possibilidade de negociar com a organização a mudança para que ela seja fiadora de locação. Firme um “seguro” com a empresa caso a experiência não dê certo, que inclui um período mínimo de duração e uma multa caso haja rescisão.

4. Informe-se!

Tente reunir o máximo de informações possíveis sobre a corporação à qual você deseja ingressar. Referências sobre a reputação da empresa através da sua rede de contatos ou com a ajuda do RH de empresas locais podem te ajudar a entender um pouco mais da dinâmica e atuação da empresa na região.

Atente-se para o mercado de trabalho considerando o contexto do local. Certifique-se de que a sua área de atuação seja desenvolvida na cidade para que você não corra o risco de ser isolado do mercado.

Se a viagem já foi decidida e você está com tudo agendado, vale a pena dar uma olhada nas dicas de hospedagem que a Agente Imóvel dá para que a sua viagem seja mais tranquila e os transtornos sejam evitados.

Por último, faça a transição de maneira gradual. Não deixe que no calor do momento, decisões importantes sejam tomadas de cabeça quente ou sem uma reflexão profunda. É o seu futuro que está em jogo.

Boa viagem!

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora