06 de Junho de 2014

Dia D para doação de sangue acontecerá neste sábado

Bancos de sangue precisam aumentar estoques para atender hospitais durante Copa do Mundo

Uma grande mobilização para captar doações de sangue, com a finalidade de aumentar os estoques nos bancos de sangue públicos e atender adequadamente os hospitais durante a Copa do Mundo, será realizada neste sábado, dia 31, em todo o País.

Em Goiás, a Hemorede – composta pelo Hemocentro de Goiânia, e, pelos Hemocentros Regionais de Ceres, Catalão, Rio Verde e Jataí, as Unidades de Coleta e Transfusão (UCT) de Iporá, Formosa, Quirinópolis, Porangatu –  vai ficar aberta das 8 às 17 horas, para atender os doadores, que não podem ir até esses locais durante a semana. À exceção do Hemocento de Jataí, que devido a um feriado municipal ficará aberto somente das 8 às 11 horas.

O objetivo do Dia D é aumentar em 30% os estoques de sangue dos Hemocentros de todo o País, para atender os visitantes e brasileiros, que precisarem de sangue, durante o evento internacional. A previsão é que o Brasil receba cerca de 600 mil estrangeiros, além do deslocamento simultâneo de mais de três milhões de brasileiros que sairão de seus domicílios para as cidades-sede dos jogos. Por mês, o Hemocentro de Goiânia, recebe em média, a doação de 2.300 bolsas de sangue. Com o aumento de 30%, a expectativa é captar aproximadamente três mil bolsas de sangue.

Mesmo Goiás não sendo sede dos jogos, a perspectiva é de que o Estado receba muitos turistas. “Por isso precisamos nos preparar para o aumento da demanda de sangue”, argumenta Katiuscia Freitas, coordenadora da Divisão de Coleta do Hemocentro de Goiás. Ela ainda revela que nesse período do ano há uma tendência natural para a redução das doações. “São meses de férias, que tradicionalmente as pessoas não se preocupam em doar. Por isso a importância de reforçar a doação”.

Notícias de Goiás

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora